Galeria de Fotografias
Arquivo
Arquivo

Catorze propostas concorrem ao Orçamento Participativo de Condeixa 2015

25 de Agosto de 2015
O Orçamento Participativo de Condeixa 2015 recebeu um total de catorze propostas em áreas tão diferentes como a cultura e o património, o desporto, lazer e turismo, estando previstos 250 mil euros para a execução dos projetos vencedores.

O período para a entrega de propostas terminou no passado dia 15 de julho e foram aceites sete candidaturas ao Orçamento Participativo Jovem (OPJ) e outras sete ao Orçamento Participativo Geral (OPG).

No OPJ, na categoria destinada a projetos até 50 mil euros que abranjam mais do que uma freguesia/união de freguesias do concelho, a munícipe Elsa Rodrigues candidata-se com o projeto “Ecos de Condeixa: Inventário do Património Artístico e Etnográfico do concelho”.

Pretende contribuir para a preservação e promoção das várias manifestações artísticas, musicais e etnográficas do nosso concelho. Com este projeto, será possível redescobrir as tradições de Condeixa, documentá-las e proteger as raízes culturais de Condeixa.
Na mesma categoria, o projeto “Casa dos Animais”, de Diana Santos, propõe construir um canil / gatil oficial do Município de Condeixa com todas as infra-estruturas necessárias e exigidas legalmente para o bom funcionamento.

Ainda no OPJ mas na categoria dos projetos até 50 mil euros, que podem ser de âmbito local, de freguesia ou concelhio, concorre o projeto “Espaço para todos”, de Ines Isabel Fonseca Maduro. O objetivo é construir novas salas ampliando o espaço da escola primária de Condeixa-a-Velha existente, tornando possível o nosso sonho de ter espaço para todos os elementos do Agrupamento 1035 – Condeixa-a-Nova.

Já Vasco de Almeida Abreu concorre com o “Mundo Rural”, um projeto que permitirá uma valorização da Serra de Janeanes, tendo em vista a atração de investimento para aquela zona do concelho. Ainda na mesma categoria, Tiago Mendes Acúrcio concorre com a proposta “Obras de Melhoramento e Requalificação do Campo Polidesportivo de Bruscos”. Justifica o autor que com um projeto do Centro Cultural e Recreativo de Bruscos para participar no campeonato de Futsal Masculino da Fundação INATEL já na época 2015/2016, torna-se fundamental reunir as condições necessárias para que a prática da modalidade possa voltar a ser uma realidade. Além disso, a requalificação do dito campo permitiria a prática desportiva em segurança dos jovens da freguesia nas modalidades de futsal e ténis.

Na categoria de projetos até 25 mil euros, João Pedro Relvas apresenta-se com os “Módulos interactivos”, que consiste na construção de estruturas modulares em madeira com tipologia e localização flexíveis. A proposta foi pensada de forma a ser facilmente implantada em locais de interesse patrimonial, cultural e social, contribuindo para a sua potencialização.

Diogo Natário, por seu lado, propõe a “Requalificação do Parque de Merendas e Lazer em Anobra” para a realização de convívios com todas as condições necessárias, nomeadamente um ponto de água para lavagem de louças e outro com mesas e bancos para refeições, além de um zona de jogos, parque infantil e circuito geriátrico.

No Orçamento Participativo Geral (OPG), uma das propostas apresentadas na categoria de projetos até 50 mil euros que abranjam mais do que uma freguesia/união de freguesias do concelho é a “Criação de uma plataforma física e/ou digital de divulgação dos nossos produtos turísticos, sua promoção, e distribuição”, de Helena Maria de Almeida Diogo. Esta proposta visa concretamente a criação de uma plataforma física e/ou digital de divulgação dos nossos produtos turísticos, sua promoção, e distribuição, podendo ter por base um Plano de Marketing, e que poderá integrar o planeamento estratégico turístico do concelho, para a sua sustentabilidade.

Já Ricardo Bispo, na categoria de projetos até 50 mil euros, propõe a “Reabilitação e modernização das Piscinas da Ega”, designadamente a realização de obras nos balneários, aquisição de painéis solares e a melhoria dos acessos à piscina, de forma a permitir a circulação de pessoas com mobilidade reduzida.

Outras quatro propostas concorrem ao OPG na categoria de projetos até 25 mil euros, nomeadamente Américo Coutinho que se apresenta com o “BIGA- Bicicletas de Condeixa”, para disponibilizar à população em geral e aos visitantes uma bicicleta para utilização gratuita.

“Faz o teu futuro!” é a proposta de Filipe Coelho que sugere que o município de Condeixa premeie, todos os anos, os melhores alunos a partir do 8º ano residentes no Concelho de Condeixa, independentemente da escola que frequentem, com a frequência de um curso de verão numa instituição de ensino superior.

Hugo Oliveira concorre com a proposta “Obras de Pintura e Restauro na Igreja de Anobra”, onde se propõe uma intervenção naquele espaço de culto nomeadamente na Capela Baptismal e na Capela em honra de Nossa Senhora da Conceição.

Já Marco Oliveira candidata-se com o projeto “Pavilhão Desportivo de Venda da Luísa”, propondo a criação de condições naquele pavilhão para que seja possível disponibilizar no concelho mais um espaço desportivo para responder ao aumento de praticantes de desporto.

Finalmente, Filipe Relvão avança com o projeto “SEDE do GRANDE ALERTA – Conhecer e explorar a serra de Sicó”, que propõe preparar a sede da Associação Grande Alerta - Antiga escola do Furadouro - com condições de alojamento para grupos de escuteiros, com um conjunto de infraestruturas baseadas no princípio da sustentabilidade e aproveitamento das energias alternativas.

As propostas apresentadas vão agora ser alvo de avaliação, até finais de setembro, por parte da comissão técnica designada para o efeito. Os projetos admitidos irão a votos de 1 a 31 de outubro.

Uma das alterações na edição deste ano prende-se com a votação. Cada eleitor até aos 35 anos (e que possa propor projetos ao OPJ) tem direito a 3 votos nas propostas do OPJ, e a um voto nas propostas do OPG. Já os eleitores com mais de 35 anos (e que possa propor projetos ao OPG) têm direito a 3 votos nas propostas do OPG, e a um voto nas propostas do OPJ.

O sistema de votação só considerará válida a votação após o correto e completo preenchimento do boletim de voto.

Galeria
Visita a nossa galeria fotográfica
Contactos

Orçamento Participativo Jovem de Condeixa
Largo Artur Barreto 3150-124
Condeixa-a-Nova
Tlm: 918 427 520
Tel: 239 949 120
Email: opcondeixa@cm-condeixa.pt

Entrar em Contacto
O que é o OP? | Como Participar | Fases do OP © 2012-2017 Todos os Direitos Reservados     design PixelStudio